Qual certificação de TI é a mais adequada?

Especialistas atentam para a importância de refletir sobre o tipo de certificação que se está buscando antes de investir tempo e dinheiro

Aquele certificado de TI pode parecer ótimo no papel, mas será que realmente se encaixa às suas exigências? Antes de investir tempo e recursos financeiros, especialistas aconselham a refletir sobre o tipo de qualificação que se está buscando e como isso se alinha a seus objetivos de carreira. Eles recomendam responder as perguntas abaixo.O certificado é valorizado pelo seu empregador ou sua indústria?
Se o certificado é reconhecido ou exigido no seu setor, então vale a pena considerar. Se não, você precisa ter o dobro de certeza que o ele faz sentido no seu plano de carreira antes de se comprometer.

O certificado é acreditado?
Infelizmente, a maioria dos certificados em TI – incluindo alguns recomendados aqui– não são acreditados por terceiros, de acordo com Roy Swift, diretor de desenvolvimento da força de trabalho na ANSI. “Certificados acreditados são revistos pelos experts da indústria, que se certificam da relevância do conteúdo e de que os testes são justos e provam competência”, explica.

Alguns certificados não avaliam de forma rigorosa o conhecimento e as habilidades das pessoas e os empregadores sabem disso, o que significa que você pode ser deixado de bolsos vazios e sem perspectivas de emprego caso escolha mal.

Ele é citado como exigência em anúncios de emprego?
Se a resposta for positiva, é um bom indicador de que o certificado tem peso para os potenciais empregadores. Possuí-lo não garante o trabalho, mas pode ajudar a conseguir uma entrevista.

Seu foco é amplo ou específico a determinado fornecedor?
Em geral, certificados amplos como o CompTIA são mais valorizados que os específicos, a menos que estes estejam relacionados aos fornecedores principais da indústria de TI, como Microsoft e Cisco. Mesmo assim, muitos profissionais de tecnologia preferem credenciais genéricas. Você pode trabalhar com sistemas Windows ou roteadores Cisco hoje, mas seu próximo emprego pode ser em uma empresa que use produtos Red Hat ou Juniper Networks – neste caso, uma formação mais ampla viria a calhar.

Qual é seu custo real?
Certifique-se também de incluir todos os custos de preparação e não só o do exame. Você consegue fazer tudo virtualmente, através de e-learning e livros ou precisará desembolsar US$ 3 mil em aulas? “Descubra de antemão se existe alguma condição prévia que exija sua presença em um curso anterior ao exame, pois isso aumentaria substancialmente os custos”, recomenda Jim Zimmermann, da Skillsoft.

Você tem acesso ao que precisa para praticar o que aprendeu?
Alguns certificados exigem passar tempo considerável familiarizando-se com o hardware ou software em questão. Se você não tem acesso ao que é requisitado em casa ou no trabalho, então pode precisar assistir aulas ou usar um simulador, como o Virtual Practice Labs da Skillsoft. Esses custos se acumulam, então certifique-se de ter o dinheiro necessário antes de se comprometer.

Algumas indicações

Adquirir um certificado em TI para alavancar sua carreira não precisa te levar à falência. Os custos associados com a obtenção de algumas qualificações costumam ser altos, mas existem outras capazes de despertar o interesse dos empregadores bastante acessíveis em custo e dedicação.

A Computerworld EUA pediu que especialistas da indústria de treinamento listassem quais seriam suas principais escolhas entre os certificados relativamente baratos, de fácil obtenção e qual é o valor dado a eles pelos empregadores. Os certificados que satisfazem os critérios tendem a ser básicos, indicados aos novatos no assunto e aos profissionais de TI que desejam desenvolver habilidades em outras áreas correlatas as quais trabalham atualmente.

Confira na lista se o certificado que tem em mente é uma boa escolha:
1. CompTIA A+
Esse é o certificado fundamental para quem está começando em TI. O CompTIA A+, que abrange as habilidades necessárias para a configuração e manutenção de PCs (incluindo laptops) e dispositivos móveis, é um dos 17 certificados oferecidos pela CompTIA, uma associação comercial sem fins lucrativos altamente respeitada na indústria. O A+ é um certificado base que pode qualificá-lo para um emprego e é citado como exigência por algumas empresas. “O CompTIA A+ é amplo, não tem pré-requisitos e você pode estudar tudo o que precisa online ou por meio de livros”, orienta Jim Zimmermann, diretor de marketing de produtos no fornecedor de e-learning Skillsoft.

As despesas ligadas ao certificado incluem o preço dos dois exames – US$ 188 cada – mais um livro de estudos, que fica entre US$ 50 e US$ 80. “Se você já tem experiência, dedicar algumas horas com um livro preparatório deve ser suficiente”, afirma James Stanger, diretor sênior de certificação de gerenciamento de produtos na CompTIA.

2. Microsoft Technology Associate
A Microsoft oferece o certificado centrado em produtos MTA em três setores: infraestrutura de TI, banco de dados e desenvolvimento. Você pode conquistar um certificado MTA ao passar em qualquer prova em um desses três setores, de Windows Server Administration Fundamentals no setor de Infraestrutura de TI a Software Testing Fundamentals no setor de Desenvolvimento. As provas custam US$ 115.

3. VMware Certified Associate
“O certificado VCA da VMware permitirá que você comece sua carreira com uma das mais populares tecnologias de virtualização da indústria e ainda exige uma quantidade baixa ou moderada de tempo e comprometimento”, exalta Greg Timpany, gerente de marketing da empresa de treinamento Global Knowledge.
A VMware oferece variações do VCA em três áreas: virtualização de data center, computação em nuvem e mobilidade. As provas de cada categoria custam US$ 120 (cada) e a empresa oferece um programa de e-learning gratuito para cada tópico. Não há pré-requisitos e não é preciso ter acesso a produtos VMware para estudar e passar nos exames.

4. Cisco Certified Entry Networking Technician/Cisco Certified Network Associate Routing and Switching ou CompTIA Network+
Se produtos da Cisco são essenciais para sua vida profissional, considere um certificado Cisco, mas pule a credencial de nível inicial Cisco Certified Technician (CCT). “A CCNA Routing and Switching é um jeito melhor de começar, a menos que você não tenha nenhuma experiência em rede”, aconselha Stanger.

O Cisco Certified Entry Networking Technician (CCENT) é o primeiro certificado a se obter para eventualmente ir atrás da credencial Cisco Certified Network Associate (CCNA) Routing and Switching, que abrange a administração e manutenção de roteadores e switches de alcance médio da Cisco — ou, nas palavras de Timpany: “A rampa de lançamento para uma carreira com tecnologias Cisco.” O CCNA Routing and Switching consiste em duas provas de US$ 150 cada: Interconnecting Cisco Networking Devices Part 1 (ICDN1, o certificado CCENT) e ICND2. Você também pode realizar uma prova acelerada por US$ 295.

A Cisco recomenda (mas não exige) de um a três anos de experiência para a obtenção desse certificado.

5. Fundamentos ITIL
O certificado ITIL Foundation é o ponto de início para o entendimento do gerenciamento de serviços de TI e os fundamentos da transformação de processos de negócio. “Praticantes com um certificado de ITIL Foundation podem facilmente ganhar mais de 90 mil dólares por ano”, ressalta Timpany, em casos em que o empregador tenha adotado práticas Information Technology Infrastructure Library.

Este é o único certificado ITIL sem pré-requisitos. A Axelos, que gerencia o programa ITIL, não estabelece os preços ou ministra as provas, mas a Global Knowledge cobra US$ 170 por um teste presencial e US$ 190 por um online. Aqueles que conseguem o certificado podem tentar a obtenção dos módulos ITIL Intermediate Level, focados em seus diferentes aspectos. Cada um dos nove módulos requer a conclusão de um curso de formação acreditada e recomendam-se pelo menos dois anos de experiência em TI.

Fonte:CIO.com.br | Autor:Robert L. Mitchell

Anúncios

Reconhecimento que não é demonstrado, não é reconhecimento!

Sempre que você pensar algo de bom de alguém, verbalize-o. As pessoas não podem ler sua mente. Seus pensamentos têm poder e podem afetar um pouco a confiança de alguém, mas suas palavras podem verdadeiramente colocar esse alguém para cima e encorajá-lo. 

Todo mundo precisa de afirmação, especialmente aqueles que foram emocionalmente feridos ou magoados. Temos mais poder do que percebemos. Podemos ajudar as pessoas! As palavras certas ditas na hora certa têm poder para curar: “Dar resposta apropriada é motivo de alegria; e como é bom um conselho na hora certa!” (Provérbios 15.23).

As palavras certas ditas na hora certa fazem bem não somente aos outros, mas a nós também. Ficamos felizes quando edificamos os outros. Somos criados por Deus para sermos uma bênção. Ele disse a Abraão: “Eu o abençoarei, e você será uma bênção”. 

Somos abençoados para sermos uma bênção. Deus o criou para ser uma bênção. Comece a ser o que foi criado para ser e você começará a receber o que lhe é devido!

Faça isso na sua casa, com seus filhos, esposa, pais, irmãos. Faça no seu trabalho, com seus colegas profissão, faça com seus amigos e com todos que tiver a oportunidade.

Este texto foi escrito por um Autor Desconhecido e foi adaptado